LIRA SANTANA DE SIMÃO DIAS/SE

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

EDITAL DE CONVOCAÇÃO-ELEIÇÃO: 2009/2010

ASSOCIAÇÃO FILARMÔNICA LIRA SANTANA
SIMÃO DIAS - SERGIPE
CNPJ: 16.223.513/0001-00
Praça Jackson de Figueiredo. 2422 – centro
EDITAL

A Diretoria da Associação Filarmônica Lira Santana, no uso de suas atribuições legais, e, em consonância com o artigo 19 do ESTATUTO que rege esta Associação,
RESOLVE:
1. CONVOCAR todos os sócios musicista para uma Assembléia Geral Ordinária no dia 26 do mês em curso, às 20 horas, no salão de ensaio da Banda de Música, localizado na Praça Jackson de Figueiredo, nesta cidade, para eleger e dar posse a nova diretoria desta Associação, para o biênio de 2009/2010, observando o Parágrafo Única do artigo 30.
2. DETERMINAR o prazo da apresentação das chapas que irão concorrer ao pleito até o dia 24 deste mês.
3. COMUNIQUE-SE E PUBILQUE-SE

Simão Dias, l6 de dezembro de 2008


RAIMUNDO DOS SANTOS OLIVEIRA
PRESIDENTE

sábado, 13 de dezembro de 2008

RETRETA ESPECIAL: 21 DE DEZEMBRO 2008

ABANDA DE MÚSICA LIRA SANTANA FARÁ NO DIA 21 DESTE MÊS, NA PRAÇA BARÃO DE SANTA ROSA, ÀS 20:OOH., UMA APRESENTAÇÃO ESPECIAL EM HOMENAGEM À TODOS OS AMANTES DA ARTE MUSICAL, EM PARTICULAR AOS SÓCIOS DA "ASSOCIAÇÃO FILARMÔNICA LIRA SANTANA".

PARTICIPEM DESTE MOMENTO CULTURAL !


"MÚSICA É O ALIMENTO DA ALMA."


FAÇA PARTE DESTA FAMÍLIA TAMBÉM!!!!!!

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

terça-feira, 7 de outubro de 2008

sábado, 2 de agosto de 2008

ORIGEM DAS NOTAS MUSICAIS

Segundo a lenda, a origem dos nomes das notas musicais DO,RE,MI,FA,SOL,LA,SI, está na música coral medieval. O monge italiano Guido d'Arezzo(aprox. 990-1050)criou o sistema para nomear as notas. Veja que corioso: as seis primeiras notas vieram das sílabas iniciais das seis primeras frases do hino de louvou a São João Batista, padroeiro dos cantores medievais. Escrito por Paolo Diacono(720-799), cada frase tinha uma escala acima da anterior,exatamente como as notas fundamentais. a letra dizia:
Ut queantlaxix,
REsonare fibris,
MIra gestorum,
FAmuli tuorum,
SOLve polluti,
LAbii reatum,
Sancte Iohannes.
Traduzindo: " Para que os teus servos possam cantar as maravilhas dos teus atos admiráveis, absolve as faltas dos nossos lábios impuros, São Jão".Com o tempo, o Ut original, da primeira frase, foi substituído por Do. Assim, as sílabas DO, RÉ, MI, FÁ, SOL, LÁ e SI viraram os nomes das notas, tornando mais fácil o aprendizado e o estudo da música.

sábado, 26 de julho de 2008

A BANDA DE MÚSICA LIRA SANTANA GANHA FARDAMENTO NOVO DE BETINHO DA CONCORDE





A Associação Filarmonica Lira Sant'Ana ganhou do Sr. ALBERTO DE CARVALHO (BETINHO DA GONCORDE), pela segunda vez, um fardamento para a BANDA DE MÚSICA LIRA SANTANA.
O primeiro foi em 1998. E no dia 26 de julho 2008, mais um fardamento foi inaugurado pelos membros da Banda de Música, doado pelo Sr. Betinho.

A Direção da Associação, escolheu os momentos solenes da Festa da Padroeira para inaugurá-lo: a Missa das dez horas e a tradicional Procissão às dizesseis horas.

A família musicista de Simão Dias, agradece ao Sr Alberto de Carvalho pelo seu gesto de carinho e cidadania.

domingo, 20 de julho de 2008

FESTA DE SENHORA SANT'ANA EM SIMÃO DIAS - SERGIPE







FARDAMENTO 1




COMO SEMPRE A NOSSA QUERIDA BANDA DE MÚSICA LIRA SATA'ANA ABRILHANTANDO

O NOVENÁRIO DA NOSSA PADROEIRA SENHORA SANTANA.

NESTA FORMAÇÃO, EM 2008, A BANDA ESTÁ COM MAIS DE QUARENTA COMPONENTES.


FARDAMENTO 2






















FARDAMENTO 3



A DIREÇÃO DA ASSOCIAÇÃO FILARMÔNICA LIRA SANTANA E OS COMPONENTES DA BANDA DE MÚSICA AGRADECEM OS ELOGIOS DO PÁROCO PE. HUMBERTO A NOSSA BANDA DE MÚSICA, NOS AGRADECIMENTOS AOS COLABORADORES DA FESTA, NA ÚLTIMA NOITE DO NOVENÁRIO. " NÃO SEI COMO SERIA A EXTERNA DO NOSSO NOVENÁRIO SEM A BANDA DE MUSICA" DISSE.





















sábado, 14 de junho de 2008

Aniversário da Cidade de Simão Dias 118 anos e a Lira Santana Presente




12 de junho de 2008, aniversário de emancipação política de Simão Dias, como sempre, a nossa Filarmônica Lira Santana presente nos eventos da nossa cidade, prestigiando e valorizando mais uma data importante para os nossos munícipes.


quarta-feira, 16 de abril de 2008

HINO DO MUNICIPIO DE SIMÃO DIAS - SE


Instituido através da lei Municipal nº 04/81 de 15.05.95, alterado no 3º e 4º versos da 1ª estrofe, através da Lei Municipal nº 73/95 de 17.11.95 Letra e Música (Melodia e Harmonia) do Mestre Professor Te. Zótico Guimarães Santos, Instrumentação para piano - maestro Castro e Silva(Decreto nº 405/99 de 07.01.99)



HINO

Poema



Estribilho

Salve! salve Simão Dias!

De Sergipe cidade inspiração,

No sertão e na fronteira, és Rainha,

Na cultura gloriosa tradição.



1ª Estrofe

Linda Praça, cheia de amores,

Vigiada por palmeiras imperiais

No centro o excelso templo de Sant'Ana,


Circundado de belezas sem rivais



2ª Estrofe


Ruas curtas, estreitas e tranquilas


Que se abraçam em traçado solidário,


Sob os telhados vozes, risos que se unem


Num coral misto de canto humanitário



3ª Estrofe


Povo alegre por temperamento


Que relega grande dor ao esquecimento


Conquista a vida com dignidade,


Pra que a cidade seja fonte de bondade



4ª Estrofe


Os tens vultos nas letras e nas artes


São faróis que orientam a mocidade,


Que, vibrante à procura da verdade,


Quer, com justiça, construir a sociedade.




video

segunda-feira, 7 de abril de 2008

BREVE RELATO SOBRE OS MAESTROS ZÓTICO GUIMARÃES SANTOS; RAIMUNDO MACÊDO FREITAS; JOSÉ CASTRO E SILVA E JOÃO SOUZA CRUZ (BILLER)

ZÓTICO GUIMARÃES SANTOS


Nascido em 08/12/1915, em Simão Dias-SE, onde passou sua infância, adolescência e juventude. Depois casou-se e teve três filhos. Quando estes já estavam crescidos, foram juntos marar em Salvador-Ba, onde teve mais dois filhos. Como ele (Zótico) era entusiasmado pela profissão de músico, o que ele já fazia desde os tempos de jovem, foram morar no Rio de Janeiro. Logo o ingressou na Aeronáutica, fez um curso específico em música (equivalente a um curso de nível superior) e juntamente com um outro colega, formaram uma Banda na aeronáutica, chegando a gravar um "LP", o qual encontra-se hoje na casa de seu filho mais velho no Rj.


Sempre que Tenente Sótico, como era conhecido, estava de férias viajava para sua terra natal, ficando entre Aracaju e Simão Dias, que aproveitava este tempo para mobilizar os músicos de sua cidade (Simão Dias), até que fundou uma banda de música e uma escolinha de música, que tinha como professor e maestro RAIMUNDO MACÊDO FREITAS ( O RAIMUNDO DE LIRA).


Em homenagem a sua cidade, fez o Hino da Cidade de Simão Dias, letra e música, como prova de sua paixão pela bela Simão Dias.


Ao aponsentar-se, veio morar em Aracaju e tornou-se professor de música, chegando a lecionar no Colégio Atheneu e Escola Normal. Constituiu uma nova família e teve mais um filho. Nas férias viajava para o Rio de Janeiro, onde sob tratamento de saúde, em dezembro de l990, veio a falecer aos 75 anos de idade.


INICIAÇÃO MUSICAL




Zótico iniciou seus estudos musicais com oseu pai AFONSO JOSÉ GUIMARÃES na Lira Carlos Gomes, na cidade de Simão Dias, Sergipe. Em Salvador estudou teoria e solfejo com Matias de Almeida e harmonia com o professor Deolindo Fróes. No Rio de Janeiro estudou harmonia e contraponto com o professor José Paulo da Silva. Estudou composição com o maestro José Siqueira e Regência com o maestro Eleazar de Carvalho.




FUNÇÃO COMO DOCENTE




NA GUANABARA: Exerceu a função de profesor de Educaçãu Musical nos seguintes Colégios: Brigadeiro Newton de Braga ( 1960-1963); Capitão Lemos Cunha (1963-1968); Melo e Souza(1965-1966)


EM ARACAJU(SE): Exerceu a função de professor de Educação Musical no Instituto Rui Barbosa, no Ateneu Sergipense, no Colégio Costa e silva e Colégio de Aplicação, Colégio Atheneu Sergipense e no Conservatório de Música.




ALGUNS TRABALHOS COMO COMPOSITOR DE MÚSICA




DOBRADOS:






  1. Esperiência - (1937)




  2. Cantando Saudades - (1938)




  3. Recordação dos Colegas -(1938)




  4. Pequeno Valfrido -(1939)




  5. Manoel Coelho Cruz -(1939)




  6. Dr. Orlando Mendonça -(1940)




  7. Jerônimo Santa Bárbara -(1940)




  8. Acrísio Garcez -(1941)




  9. Major Maurino -(1942)




  10. 41 de Voluntário -(1942)




  11. Coronel Pires -(1944)




  12. Sargento Manoel Gomes -(1944)




  13. Uma homenágem -(1945)




  14. Brigadeiro Corrêa -(1964)




  15. Cidade de Simão Dias -(1964)




  16. Emblema Sergipano -(1966).


VALSAS:







  1. Sublime Amor -(1936)




  2. Pertinho de Ti -(1937)




  3. Geovana Coelho Cruz -(1937)




  4. Sob o Luar de Anápolis -(1938)




  5. Josefina Guimarães -(1940)




  6. Alzira Simões -(1940)




  7. Esperança -(1940)




  8. Odete Medeiros -(1941)




  9. Waldemarina da Paixão -(1942)




  10. Sombras que SOFREM -(1942)




  11. Aparecida Maria Vilaça -(1943)




  12. Lourdes Cruz -(1945)




  13. Simiramis Bbrunet -(1956)


Entre várias outras.















RAIMUNDO MACÊDO FREITAS




No dia 23 de fevereiro de 1983, às 20:00h, tomava posse o Sr. Manoel Ferreira de Matos, Caçulo, na Camare Municipal de Simão Dias, como o novo prefeito da cidade. E a Filarmônica Lira Santana, no comando do Maestro Raimundo Macêdo de Freitas, ainda sem um fardamento, iniciava uma nova formação. Formação essa, que continou até os meados de 1985, quando o maestro Raimundo deixou a banda de Música, alegando não estar bem de saúde. Todavia, o seu trabalho como Professor de música e regente da banda, data-se muito tempo antes de 1983 incentivado pelo Maestro Sótico Guimarães para que não deixasse a história das filarmônicas morrerem na nossa cidade.



JOSÉ CASTRO E SILVA




O maestro Castro e Silva, mineiro de Formiga, sub Tenente, músico da reserva do Exército Nacional, reside na cidade de Lagarto/SE. Tem-se notabilizado como musicista, arranjador, compositor e regente de banda de música e, desde 1985 vem prestando esses serviços, de inestimável valor cultural, educacional e artístico ao município de Simão Dias, na Associação Filarmônica Lira Santana.

Temos hoje um arranjo, para piano e orgão, do Hino do Município de Simão Dias/Se de autoria, letra e música, do Tenente Zótico Guimarães, feito pelo maestro Castro e Silva e oficializado através do Decreto nº 405/99 de 02 de janeiro de 1999.

Pela sua dedicação, pelo seu amor a nossa terra, a Câmara municipal de Simão Dias, concedeu-lhe o TÍTULO DE CIDADÃO SIMÃODIENSE, aprovado no dia 09 de maio de 2001, homenageando assim, a todos os músicos de todas as épocas, que, por AMOR e DEDICAÇÃO, matém a tradição da nossa Banda de Música até hoje.

O maestro Castro, encontra-se hoje, afastado de suas atividades profissianais, devido um acidente automotor, no ano de 2005.



JOÃO SOUZA CRUZ ( BILLER )




João de Souza Cruz, Biller, nascido em 11 de setembro de1966, filho de Osório Batista da Cruz e Josefa de Souza. Estudou o ensino fundamental menor na Escola Estadual José de Carvalho Déda e no ano de 1987 concluiu seus estudos até o ensino médio no Colégio Cenecista Carvalho Neto, hoje a atual Escola Municipal Carvalho Neto.

Vindo de uma família simples e humilde, Biller, como gosta de ser chamado, iniciou no mundo da música por acaso. Ele ganhou dos professores Domingos e Laudenice uma flauta doce quando estudava no colégio Cenecista Carvalho Neto na década de 80. E por conviver muito com o casal Domingos e Laudenice, Biller foi encorajado por eles, a estudar música na escolinha de música Lira Santana com o Professor e regente Raimundo Macêdo de Freitas (Seu Raimundo). E no dia 09 de março de 1982, Biller foi apresentado oa Sr. Raimundo pelo casal e efetuada a sua matrícula na escolinha de música. E com o acompanhamento constante de Domingos e Laudenice e do maestro Raimundo, Biller continuou estudando e logo estava tocanda na Filarmonica lira Santana. Mais tarde, outra pessoa muito importante na vida musical de joão souza Cuaz, apareceu para dar dicas importantes para sua carreira musicista: Maestro Castro e Silva.

No ano de 2001, a coordenadora do Projeto Bandas do estado de Sergipe, Professora Ailda, entrou em contato com o Sr. Raimundo dos Santos Oliveira, resposável pela Associação Filarmônica Lira Santana de Simão Dias na época, para liberar o maestro José Castro e Silva para ir ministrar aulas de música, e consequentimente fundar uma Banda de Música, na Cidade vizinha de Poço Verde. Contudo, o Sr. Raimundo dos Santos não concordou em liberar o mestre castro e indicou o Sr. João Souza, Biller, no lugar do Sr. Castro.

Biller iniciou suas atividades musicais na cidade de Poço Verde no dia 08 de novembro de 2001 e perdurou até setembro de 2007. Que durante este período formou músicos e criou uma Banda de Música.

Com o acidente do maestro José Castro e Silva em 2005, que o levou ao afastamento de suas atividades profissionais na Lira Santana de Simão Dias, o Sr. Raimundo dos Santos Oliveira juntamente com os outros membros da diretoria da Associação Filarmônica Lira Santana, convidou o Sr. João Souza da Cruz (Biller) para assumir a Escolinha de Música e a Regência da nossa querida Banda de Música. E com muito carinho ele aceitou e está como titular da "BATUTA" desde o segundo semestre do ano de 2005, (neste período até setembro de 2007, Biller atuava na Banda de Música de Poço Verde e na de Simão Dias).

Biller, além de vários arranjos e instrumentações de músicas populares, religiosas e hinos de Escolas, tem suas próprias composições, como:

  1. DOBRADO : DOMINGOS JOSÉ DA SILVA - MARÇO DE 1995
  2. MARCHA : UM PASSO A MAIS - JUNHO DE 2005
  3. DOBRADO : NATANAEL DE JESUS SANTOS - OUTUBRO DE 2007
  4. MARCHA : TRIBUTO A CIDADE DE SIMÃO DIAS - MAIO DE 2008
  5. DOBRADO : RAIMUNDO NONATO R. ROCHA (NONATO) - ABRIL DE 2008

segunda-feira, 17 de março de 2008

APRESENTAÇÃO MUSICAL

videoSimão Dias-SE, 16 de março de 2008. Apresentação da Banda de Música Lira Santana, executando as mais belas melodias para os que amam a Arte de fazer emoções e não querem perder de vista um dos últimos patrimônio em evidência da nossa cidade. video


Apresentação da Banda de Música lira Santana da Cidade de Simão Dias,SE, no dia l6 de março de 2008, na Praça Genis Gomes, em homenágem ao aniversário do Músico José Heraldo Prata(Dinho).
videoApresentação da banda de Música na praça Genis Gomes - Simão Dias - SE, em ocasião do aniversário do músico percucionista , JOSÉ HERALDO PRATA(DINHO), e o membro com mais tempo na banda.

terça-feira, 29 de janeiro de 2008

DIRETORIA DA FILARMôNICA LIRA SANTANA

PRESIDENTE: Professor Raimundo dos Santos Oliveira
VICE-PRESIDENTE: Jose Wellington Gomes dos Santos
I SECRETÁRIA: Monica Ribeiro Santa Rosa
II SECRETÁRIO: Professor Udilson Soares Ribeiro
I TESOUREIRO: Joelson Alves Gois
II TESOUREIRO: Uilton Araújo Rocha

CONSELHO DELIBERATIVO: Charliton Luiz ; Edigenaldo dos Santos Matias;José Nascimento Costa Júnir;João Maurício de Santana Santos; Juraci Bitencourt Carvalho; Elaine Hohenfeld; Rodrigo Rabelo; Bruno RogérioSoares da Silva e Denis Matos Neves.
CONSELHO FISCAL: José Heraldo Prata; Edson de Jesus Oliveira; Raimundo Nonato Rodrigues da Rocha; Vanessa Santos Almeida e Uilson Santos Bomfim.
DEPARTAMENTO CULTURAL: Davi Soares Ribeiro.

OBS.: 1ª Todos são sócios musicistas e participam da Banda de Música, tocando ou colaborando com as suas idéias para manter viva a hitória desta Filarmônica.

OBS.: 2ª Esta Diretoria foi eleita para o biênio de 2007/2008.


NOTA: Em breve postaremos um pouco da história dos Maestros que passaram por esta Filarmônica!